top of page

No ambiente de trabalho, quando o assédio moral é disfarçado de espírito competitivo e a exploração é vendida como progresso, é hora de denunciar. Foi o que fizemos em parceria com o Instituto Declatra (Instituto de Defesa da Classe Trabalhadora), buscando dar voz a milhares de trabalhadores e trabalhadores do banco HSBC que foram vítimas dos métodos de gestão baseados no assédio e na humilhação constantes.


Lançamos e divulgamos um profundo estudo sobre assédio moral organizacional, explicando quais seus processos, suas consequências e, especialmente, revelando os números absurdos de casos ocorridos no HSBC em Curitiba.


Em uma série de vídeos, trouxemos o conteúdo com depoimentos verdadeiros, confessionais e relatos fortes de pessoas que sofreram diariamente com os métodos de assédio no trabalho. São alguns relatos representando centenas de trabalhadores que desenvolveram doenças físicas e psíquicas derivadas do dia a dia massacrante no banco, tiveram suas vidas pessoais profundamente afetadas e até hoje buscam reparação pelos danos causados por esta empresa. Para este projeto, contamos com o apoio do Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região.


Com isso, foi construído um movimento amplo contra a humilhação, o controle, o assédio moral, o terrorismo psicológico e as ameaças de demissão que muitas vezes são adotados como parte da gestão em empresas. Denunciando um modelo de trabalho que leva milhares de pessoas à depressão, fadiga, estresse, distúrbios psicológicos e até ao suicídio.


Posteriormente, com a retirada do HSBC do Brasil e sua aquisição pelo Bradesco, o movimento adota o nome de Vítimas do Bradesco e passa a denunciar casos de assédio moral dessas e de outras instituições bancárias, em uma constante campanha por um ambiente de trabalho saudável e pela dignidade humana.


Saiba mais: facebook.com/vitimasdobradesco

Você é uma vítima do assédio moral?

Relatos verdadeiros de vítimas do HSBC

Instituto Declara

Comunicação e operação














Em todas as mídias, em todos os lugares

Dar voz a milhares de pessoas que são vítimas do sistema bancário e encorajá-las a mudar esse quadro.

Resultados

CONSCIENTIZAÇÃO

Através de materiais impressos, digitais, filmes e infográficos, a campanha ajudou a traduzir para milhares de pessoas os dados alarmantes obtidos a partir de um profundo estudo técnico e científico conduzido por uma equipe multidisciplinar do Instituto Declatra, seguindo métodos rigorosos de coleta de informações e estatísticas.


DENUNCIANDO ABUSOS

Os depoimentos colhidos pelo movimento foram visualizados mais de 200 mil vezes nas redes sociais, sem contar as visualizações em canais não oficiais e compartilhamentos. As denúncias causaram grande impacto na cidade, gerando repercussão tanto na mídia local como nacional.

bottom of page